Tênis de Quadra

O tênis é um esporte que pode ser praticado tanto individual como em duplas, que podem ser masculinas, femininas ou mistas. Pode ser realizado…

tenis

O tênis é um esporte que pode ser praticado tanto individual como em duplas, que podem ser masculinas, femininas ou mistas. Pode ser realizado em quadras abertas ou fechadas. O objetivo é fazer com que a bola atravesse a quadra adversária.

A origem do Tênis é controversa. Acredita-se que os precursores desse esporte foram antigos jogos com bola que eram praticados por egípcios, gregos e romanos.

As origens mais próximas da forma atual surgiram na França no séc. XII. Onde foram construídas várias quadras em mosteiros, castelos, parques e grandes avenidas. Como o interesse pelo jogo aumentou, ou locais tornaram-se insuficientes para a prática do mesmo, ocasionando a necessidade de construir quadras em locais fechados.

No começo o tênis era praticado com as mãos, posteriormente luvas forradas. Com o passar dos tempos, faixas de couro foram enroladas a mão para permitir aos jogadores golpear com mais firmeza. Depois eram fixados pedaços de madeira ás faixas de couro, surgindo assim o cabo da raquete. Em seguida, acrescentou-se uma cavidade na cabeça da raquete e colocou-se uma espécie de pergaminho, que foi substituído finalmente pelo encordoamento atual (com cordas de tripas de animais ou de material sintético). A raquete apareceu como invenção italiana.

 

O jogo

A definição de quem irá sacar primeiro deve ser feita por qualquer forma de sorteio. O vencedor do sorteio pode optar por sacar primeiro ou escolher qual o lado da quadra quer jogar o primeiro game, obrigando assim o adversário a executar o primeiro saque do jogo.

Saque:

Um saque inicia todo ponto de um jogo de tênis. O tenista que iniciar o ponto é chamado de sacador, e o que recebe a bola é chamado de recebedor. Para sacar, um tenista lança a bola para o ar e bate nela antes dela tocar o chão, atingindo a área de serviço do oponente. Em cada game os dois tenistas trocarão as funções. O sacador deve iniciar qualquer game obrigatoriamente do lado direito da quadra, entre a marca que divide a linha de fundo e a linha que delimita o jogo de duplas. O recebedor também se posicionará no lado direito da quadra, não tendo local obrigatório para ficar. O sacador só pode tirar os pés do chão e avançar sobre a quadra (sem tocar a linha de base) no instante de contato entre a raquete e a bola. Caso contrário, estará cometendo “foot-fault”, ou falta de pé, e seu saque será considerado falho. O mesmo se aplica se o sacador andar ou correr atrás da bola após seu lançamento. O saque é considerado executado no instante em que o sacador iniciar o movimento da raquete em direção à bola, podendo o sacador desistir do golpe após o lançamento da bola desde que não mova sua raquete para frente. O sacador deve golpear a bola antes que ela toque o solo. O tenista não pode lançar mais do que uma bola para executar o saque com a intenção de confundir o adversário. Após executar o primeiro saque do lado direito de sua quadra, o próximo ponto será iniciado pelo lado esquerdo e assim alternadamente até que se complete o game. Se houver engano nessa ordem, o ponto terá validade, mas o posicionamento correto deve ser assumido assim que se constatar o erro. A bola que foi sacada deve passar sobre a rede, sem tocá-la, e atingir o lado contrário dentro da área diametralmente oposta e delimitada como “área de saque”. O recebedor não pode responder o saque antes que a bola quique no quadrado de saque. O saque também será considerado faltoso se a bola atingir qualquer instalação permanente (que não seja a rede, cinta ou fita) antes de atingir o solo. Isso vale para os paus de simples, o poste que segura a rede ou o trecho de fita e rede que fica entre o pau de simples e o poste de rede num jogo de simples. Se errar a primeira tentativa de saque por qualquer um dos motivos descritos acima, o sacador terá direito a uma segunda tentativa, valendo para este novo saque todas as regras já citadas. Se errar também este segundo saque, o sacador perde o ponto. O sacador não deve sacar até que o recebedor esteja pronto. Se o recebedor tentar devolver o saque, ele será considerado como se estivesse pronto.

 Let:

Acontece um “let” quando houver qualquer tipo de interferência não prevista na disputa de um ponto ou na execução de um jogada, como o saque. Exemplo: uma bola de outra quadra invade a quadra, a bola do sacador ou do recebedor de bola cai involuntariamente no chão, um papel voa sobre a quadra etc. O “let” força a repetição do saque ou da jogada inteira. O “let” pode ser pedido tanto pelo juiz como por qualquer um dos jogadores. Se o “let” é solicitado durante a execução de um saque, somente o saque deve ser repetido (assim, se o “let” ocorrer no segundo saque, o sacador deve repetir apenas o segundo saque). Se o “let” é chamado durante a disputa de um ponto, deve-se começar do zero, ou seja, a partir do primeiro saque. Se uma bola em jogo tornar-se irregular, com perda de pressão, por exemplo, deverá ser chamado um “let”. Durante a execução de um saque, há “let” quando a bola sacada resvala a rede, cinta ou fita e cai na área correta ou toca o recebedor ou sua raquete antes de tocar o solo (essa queimada também é chamada de “net”). Também se chama um “let” quando o recebedor não está pronto para receber o saque e o sacador inicia seu movimento.

Pontuação:

A pontuação é idêntica em jogos de simples e duplas. Um jogo de tênis é designado por termos como 15, 30, 40, e game, com zero pontos sendo referido pelo termo “love” (possivelmente derivado da uma palavra francesa “l’oeuf”, ovo, referenciado a aparência física do número zero). Um empate em 40 é chamado de “deuce”. Porque um jogo deve ser vencido por dois pontos, o jogo continua em iguais até um jogador fazer uma diferença de dois pontos. Depois de empatar, o jogador que vencer o próximo ponto é dito que tem a vantagem. Em uma competição de tênis, a pontuação do sacador é sempre dada primeiro. Os jogadores ou equipes mudam os lados quando a soma dos games jogados for ímpar.
Jogadores devem vencer seis games para vencer o set, mas eles devem vencer ao menos por uma diferença de dois games. Se um set ficar iguais em 5-5, ao menos 7 games vitoriosos são necessários para vencer o set. Um tie-break é usado se um set ficar empatado em 6-6. Um tiebreak é normalmente jogado por 7 pontos, mas vence quem fizer uma diferença de ao menos 2 pontos. O vencedor de um tiebreak vence o set por 7-6, mais o total de pontos feitos no tiebreak. O jogo de tênis é normalmente melhor de três ou cinco sets.

 Perda de Ponto:

O jogador perderá ponto se: Como recebedor, a bola sacada toque qualquer coisa que vista ou carregue, antes de tocar o solo. Enquanto sacador, cometa erro nas duas tentativas de saque. Não consegue rebater a bola acima da rede. Rebate a bola contra seu próprio lado da quadra, ou faz com que ela atinja uma instalação permanente ou acerte qualquer objeto fora das linhas que delimitam a quadra do seu oponente. Ao golpear a bola, deliberadamente a carrega ou a conduz em sua raquete ou deliberadamente a toca com sua raquete mais do que uma vez. O jogador ou sua raquete (na sua mão ou não) ou qualquer coisa que ele vista ou carregue toque a rede, poste, paus de simples, cabo, fita ou faixa ou o solo dentro da quadra do seu oponente, enquanto a bola estiver em jogo. Golpeia a bola antes que ela tenha passado a rede. A bola em jogo toque no jogador ou em qualquer coisa que ele vista ou carregue, exceto sua raquete na sua mão ou mãos. Atira sua raquete e atinge a bola. Deliberadamente e materialmente mude o formato de sua raquete durante o ponto.

Equipamentos

Quadra:

O tênis é jogado em uma superfície plana retangular, geralmente em grama, saibro, ou em piso duro. O espaço adicional em torno da quadra é requerido para que jogadores possam alcançar a bola quando esta despassa os limites da quadra.

Uma rede é esticada a meio da quadra em toda a sua largurada, paralela com as linhas de base, dividindo-a em duas partes iguais.

Bola:

 

É oca e composta de borracha inflada coberta com um tecido feito de lã e fibras artificiais. Bolas amarelas e brancas são usadas em torneios competitivos e são as cores mais comuns.

Raquete:

 

Não há um modele especifico, seu tamanho e forma variam. A classificação geral, é determinada pelo tamanho da cabeça da raquete, tamanho padrão, médio, grande e super grande. Em jogos de torneios, o comprimento máximo de uma raquete é de 81,3 cm, a largura máxima é de 31,8 cm, a cabeça da raquete não deve exceder a 39,4 cm de comprimento e de 29,2 cm de largura, e é frequentemente encordoado com nylon ou outro material sintético. Não tem restrição de peso. A empunhadura da raquete é normalmente coberta por uma fita de couro ou borracha.

 

Vestimenta:

Os tenistas normalmente usam roupas leves, em sua maioria brancas, e tênis com  solado de borracha.

Empunhaduras

Continental: Foi a primeira empunhadura do Tênis, da época das raquetes de madeira. Era utilizada para todos os golpes e não se utilizava Top Spin ainda, para essa finalidade não é indicado usar este tipo de empunhadura, pois pode causar lesões ao tenista. Hoje é indicada apenas para Saque, Voleio, Smash e Golpes com efeito de Slice.

Eastern de Direita (Forehand): Muito utilizada pelos iniciantes e principalmente pelos jogadores que utilizavam a Continental e hoje preferem bater com Top Spin.

Eastern de Esquerda (Backhand): Muito utilizada porque dá a sensação de mais contato com a bola e não sobrecarrega o polegar. Gera pouco Top Spin.

Semi Western de Direita (Forehand): Muito utilizada por jogadores avançados e alguns profissionais, tem um ótimo Top Spin.

Semi Western de Esquerda (Backhand): Principal empunhadura utilizada pelos profissionais é necessário que se tenha muita força e coordenação para que se utilizá-la.

Western de Direita: A maioria dos profissionais utiliza essa empunhadura, pois geram um Top Spin excelente, já que eles utilizam bastante força nos golpes.

Western de Esquerda: Não é muito utilizada, está entre a Semi Western e a Western.

 Dicionário

Ace: Saque que, bem colocado ou batido com muita eficácia, não dá chance ao adversário de pegar a bola na tentativa de resposta.

Approach / Aproximação: O approach é o golpe que propicia ao tenista que o executou chegar à rede para tentar um voleio, feito próximo ao T na quadra.

Backhand: Pancada de esquerda (ou, para canhotos, de direita), batida com as costas da mão viradas para frente.

Baloeiro: É uma gíria pejorativa utilizada entre os tenistas para se referir aos jogadores que mandam bolas altas (balões) de difícil devolução. Normalmente os jogadores iniciantes ou com pouca técnica se valem de tais artifícios para ganhar ao adversário, ainda que involuntariamente. Entretanto, há alguns jogadores profissionais famosos por “dar balão”.

Break / Quebra de serviço: Ganhar o game em que foi o adversário quem sacou.

Break-Point: Ponto que pode definir o game a favor do recebedor. 

Challenger: Categoria de torneio profissional masculino, cuja premiação vai de US$ 50 mil a US$ 125 mil e dão no máximo 100 pontos para o campeão.

Copa Davis - Mais importante competição masculina por equipes. É decidida em cinco jogos – quatro de simples e um de duplas. Um jogador pode fazer, no máximo, dois jogos de simples e o de duplas. É sempre jogada em três dias – Sexta, Sábado e Domingo. Os confrontos, eliminatórios, são realizados simultaneamente em vários países do mundo.

Copa do Mundo - Torneio com os oito tenistas do ranking que mais ganharam pontos na temporada.

Deuce / Iguais ou Vantagem nula: Palavra de origem francesa, que significa igualdade no placard de um game depois de ele atingir 40/40.

Drive: Qualquer golpe dado no fundo da quadra.

Drop shot / Amortie / Deixadinha: É um golpe dado com efeito cortado (underspin) ou lateral (sidespin) para que a bola aterrisse perto da rede do lado adversário.

Follow Through : Ato de manter contato da raquete com a bola (depois do contato inicial das mesmas) por um certo tempo para melhor direcionamento da bola. Como se estivesse “empurrando” a bola. Geralmente esse contato é mantido por volta de dois a três centímetros.

Fault - Chamada do juiz de linha para as bolas que quicam fora da área apropriada.

Fed Cup - Ou Federation Cup. Mais importante competição feminina por equipes. Como na Davis, os países são representados por equipes que jogam quatro partidas de simples e uma de duplas.

Foot Fault - Ato de pisar na linha durante o saque. Implica a perda do saque em questão. Mas é a regra mais esquecida pelos juízes, principalmente em torneios amadores.

Forehand - Golde de fundo (depois que a bola quica uma vez na quadra) executado do mesmo lado do corpo em que o jogador segura a raquete. O forehand de um canhoto, por exemplo, é o golpe de fundo no seu lado esquerdo.

Game: Subdivisões de um set.

Game Point: Ponto que pode decidir o game a favor do tenista que está sacando.

Game-Set-Match: Chamada do juiz de cadeira depois do último ponto do jogo.

Grand Slam: Cada um dos quatro torneios abertos mais importantes do tênis: Autrália (Australia Open), Frnaça (Roland Garros), Inglaterra (Winbledon) e Estados Unidos (US Open). “Fazer o Grand Slam” quer dizer ganhar os quatro torneios em um só ano. Os únicos que conseguiram tal proeza foram o norte-americano Donald Budge em 1938, o australiano Rodney Laver em 1963 e 1969; a norte-americana Maureen Connoly em 1953, a australiana Margaret Smith Court em 1970 e a alemã Steffi Graf em 1988.

Grip 1: Maneira de segurar o cabo da raquete. Pode ir do tradicional Continental, que facilita o jogo de toques, até o radical Western, para golpes com muito topspin.

Grip 2: Fita absorvente que envolve o cabo da raquete para impedir que o suor faça a mão do tenista escorregar.

Indoor: Quadra coberta.

Juiz de Cadeira: Árbitro acima dos juízes de linha, que comanda o jogo sentado em uma cadeira alta ao lado da rede, no centro da quadra. Pode corrigir as marcações dos juízes de linha. Anuncia os jogadores, canta os pontos, marca o tempo de descanso e pode punir os tenistas em caso de indisciplina ou qualquer outra infração.

Juizes de Linha: Observam as linhas de saque e que limitam a quadra, apontando oralmente as que saem da quadra. 

Lob / Chapéu ou Balão : Golpe dado sobre o adversário quando ele está próximo da rede. Tecnicamente, o lob é uma passada só que a bola passa por cima dele (passing shot).

Love: é o mesmo que zero. Os estudiosos dizem que foi introduzido à linguagem do tênis por dois motivos: O primeiro deles é o fato de que se o jogador está com zero, significa que ele só joga por amor, em inglês Love. O segundo dele é o fato de na língua francesa, l’oeuf significar ovo, que parece um zero.

Match point: Ponto que permite encerrar a partida.

Overhead: Golpe dado por sobre a cabeça depois da bola tocar a quadra.

Passing Shot / Passada: Golpe dado sobre o adversário quando este está próximo da rede, em que a bola lhe passa pela esquerda ou direita.

Quadra Lenta: Onde o piso amortece o quique da bola, favorecendo os jogadores que preferem executar o golpe depois que a bola toca o solo. Exemplo : saibro e pó de cimento.

Quadra Rápida: Onde o piso faz a bola “deslizar”, dificultando para os jogadores que gostam de ficar no fundo da quadra e favorecendo àqueles que preferem definir os pontos à rede, pegando a bola no alto.
Set / Partida: Parte da contagem do tênis. A série termina quando um dos tenistas atingir 6 games vencidos, desde que haja dois games de diferença. Há jogos em melhor de três ou cinco sets.

Set point: Ponto que permite encerrar um set.

Slice / Fatiar ou Cortar : Golpe dado com a raquete quase na horizontal, como que “fatiando” a bola. É usado como recurso de defesa para quando não se está bem posicionado para executar um drive. Também é usado por muitos tenistas para fazer uma aproximação à rede ou simplesmente para quebrar o ritmo do adversário, que muitas vezes já espera uma bola veloz. Se for feito com força e de cima para baixo, produz uma bola de pouco ressalto(com efeito quica no chão e vai para um dos lados) muito difícil de responder, cujo expoente máximo terá sido Yannick Noah (ex-tenista francês).

Smash: Golpe dado por sobre a cabeça, quando a bola vem alta do adversário.

Topspin (ou Golpe Liftado): Golpe com efeito que faz a bola passar alta sobre a rede para, em seguida, sofrer uma brusca descaída e tocar o campo de jogo adversário dentro da quadra. Como o próprio nome diz, esse efeito é realizado com a raquete tocando a bola por cima (top), que faz a bola girar e ganhar velocidade ao tocar na quadra. Com esse efeito a bola viaja mais lentamente do que quando batida chapada ou, em inglês, flat. Este tipo de jogo é frequentemente usado em quadras de piso lento (saibro).

Tiebreak: Game especial de desempate quando o set fica empatado em seis games para cada lado. A contagem no tiebreak é sequencial a partir do número 1: 1, 2, 3, 4, … Ganha quem fizer 7 primeiro. Em caso de empate em 6 a 6, a disputa vai a 8; 7 a 7 vai a 9; 8 a 8 vai a 10 e assim por diante.

Volley / Voleio : Ato de golpear a bola antes que a mesma toque a quadra. Geralmente é feito perto da rede.

Winner: Ponto vencedor. Bola lançada em local indefensável para o adversário. O winner pode ser dado num saque, voleio, deixadinha, passada ou golpe de fundo de quadra.

Fontes: wikipedia / sraraquete.com / tenishp.vilabol.com.br / tripod.com

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Comments

comments